Apesar de o Brasil não figurar na lista das nacionalidades que permite a emissão de um visto de trabalho na Austrália, muitos brasileiros conseguem o Working Holiday ou o Work and Holiday Visa devido à dupla cidadania. Os dois vistos são basicamente a mesma coisa, o que mudam são os países na lista de um e de outro. Eles permitem que pessoas sem filhos ou dependentes, entre os 18 e 31 anos, trabalhem na Austrália por 1 ano. O visto é renovável por 1 ano, caso a pessoa siga para o farm work (trabalho na fazenda, seja cuidando de animais ou coletando frutos) por pelo menos 88 dias. Um dos únicos poréns desse tipo de visto é que a pessoa somente poderá permanecer no mesmo trabalho por um período de, no máximo, 6 meses. Depois deverá procurar outra ocupação.

Muitos brasileiros optam por solicitar esse tipo de visto ao de estudante valendo-se de dupla nacionalidade italiana, alemã e, mais recentemente, da portuguesa. Portugal o último país a ser incluído na lista do visto Work and Holiday, o que ocorreu em setembro de 2014. Algumas pessoas oriundas de países latino-americanos, como Uruguai, Chile e Argentina, também conseguem solicitar o visto. O governo desses países, no entanto, possui acordo com a Austrália de que só pode emitir um certo número de vistos – entre 500 e 1.500 por ano. Para os países europeus (do visto tipo 417) não há limite de emissão – por isso mesmo há tantos circulando pela Austrália. Uma piada comum entre eles é a seguinte: “Você está no período de work ou holiday?”, pois a maioria alterna meses de trabalho a férias.

Abaixo a lista de nacionalidade que consegue visto para trabalhar enquanto curte a Austrália:

* Work and Holiday visa (subclass 462)

  • Argentina
  • Bangladesh
  • Chile
  • Indonésia
  • Malásia
  • Polônia
  • Portugal
  • Espanha
  • Tailândia
  • Turquia
  • Estados Unidos
  • Uruguai

* Working and Holiday visa (subclass 417)

  • Bélgica
  • Canadá
  • Chipre
  • Dinamarca
  • Estônia
  • Finlândia
  • França
  • Alemanha
  • Hong Kong
  • Irlanda
  • Itália
  • Japão
  • Coreia do Sul
  • Malta
  • Holanda
  • Noruega
  • Suécia
  • Taiwan
  • Reino Unido

Leia mais também:
–  Quanto custa morar na Austrália
–  Quanto custa estudar inglês na Austrália
–  Tudo sobre Passaporte e Visto Australiano
–  Visto para Brasileiro na Austrália
–  5 opções de acomodação na Austrália
–  Qual o momento certo para viagem de intercâmbio

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
Share on linkedin
1